top of page

As Eleições para o Parlamento Europeu e a Conjuntura Geopolítica



Há uma semana, ocorreram as eleições para o Parlamento Europeu. Seus resultados, apesar de não uniformes nos diferentes países da União Europeia, das as condições internas de cada um, possuem algumas características marcantes, relativamente comuns a todos eles. Houve um crescimento de setores da extrema-direita e manteve-se o peso relativo da direita tradicional, que deve levar à manutenção de Ursula von der Leyen à frente da Comissão Europeia.


Também se evidenciou fortemente o descontentamento com as correntes políticas e atuais governos que dão forte sustentação à participação da União Europeia no suporte ao Governo Volodymyr Zelensky, na Ucrânia”, e ao confronto militar com a Federação Russa, através de seu território, com crescente envolvimento direto da OTAN. A situação geral na Europa reflete, assim, o complexo quadro da geopolítica e da geoeconomia, em escala mundial.


Para dialogar conosco sobre esse preocupante quadro, contaremos com as contribuições de:


Costas Isychos, Vice-Ministro da Defesa da Grécia durante o primeiro governo do Syrisa, em 2015. Deputado em seu país, renunciando a seu cargo em protesto pelo governo não haver respeitado os resultados do referendo sobre a dívida externa grega


José Luiz Del Roio, Jornalista, político e ativista social ítalo-brasileiro. Foi senador pela região da Lombardia, na Itália, em 2006. Estudioso do quadro geopolítico mundial.

Comentários


bottom of page